Jonathan Douglas "Jon" Lord

O dia estava indo bem, até saber que Jon Lord morreu.
A última vez que me senti assim foi quando Ronnie James Dio morreu.
Obviamente, nunca conheci nenhum dos dois (não pessoalmente). Mas, graças à música, ao talento e à competência de ambos, me sentia próximo – quase um amigo.
Inexplicavelmente, quando Dio morreu, passei uma semana inteira triste Agora, com Jon Lord, a sensação se repete.

Desnecessário dizer o quão importante Jon Lord foi para a música, especialmente para o hard rock. Fundador de uma das bandas mais importantes do rock, da qual sempre fui fã incondicional, músico GENIAL….
Bom, melhor do que falar (ou escrever), é ouvir:

Jonathan Douglas “Jon” Lord, mais conhecido como Jon Lord (Leicester, 9 de Junho de 1941 – 16 de Julho de 2012), foi um compositor, pianista e organista inglês, mais conhecido por ter integrado as bandas Deep Purple, Whitesnake, Paice, Ashton & Lord, The Artwoods e Flower Pot Men, além de ser pioneiro na fusão do rock com música clássica.


Em 1968, Lord fundou a banda de rock inglesa Deep Purple, onde era praticamente o líder da banda até 1970. Ele e o baterista Ian Paice, foram os únicos integrantes constantes da banda durante sua existência (1968-1976) e a partir de quando eles se reformaram em 1984, até a saída de Lord do Deep Purple, em 2002.


Em 11 de novembro de 2010, Jon Lord foi eleito membro honorário da Faculdade de Stevenson, em Edimburgo. Em 15 de julho de 2011, foi concedido à ele um grau honorário de Doutor em Música pela Universidade de Leicester, em sua cidade natal.

Comentários

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s