Lista negra do comércio eletrônico atualizada

A lista de lojas virtuais não confiáveis, segundo o Procon-SP, ganhou 71 endereços na última segunda-feira, 22/04/2013. Agora já são 275 sites desde 2011, quando a seleção começou a ser feita.

Com o título “Evite esses sites”, o órgão identifica as páginas nos grupos “fora do ar” ou “no ar” e informa seus respectivos números do CNPJ ou CPF e razões sociais.

PARA FAZER O DOWNLOAD DO ARQUIVO, EM PDF, CLIQUE AQUI.

Segundo o Procon-SP, as principais reclamações dos consumidores dizem respeito a irregularidades como a falta de entrega dos produtos e a ausência de soluções para este problema.

Segundo ele, o rastreamento dos fornecedores virtuais se torna complexo porque as lojas não mantêm cadastros em órgãos oficiais, como a Receita Federal, o Registro BR e a Junta Comercial.

Para sanar eventuais dúvidas antes de comprar produtos via internet, o Procon-SP disponibiliza em seu site o “Guia de Comércio Eletrônico“.

Consulte o levantamento do Procon e evite lojas/sites com reputação duvidosa.

Comentários

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s