Currículo e falsificação

Primeiro, a notícia:

A ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) admitiu hoje que o seu currículo no site do ministério estava errado. A divergência foi questionada na revista “Piauí”.

“Lá tem um equívoco, sim. A parte relativa ao mestrado está errada. A parte relativa ao doutorado não está errada. No que se refere à doutoranda, está errado o curso em que me botaram. Estão dizendo que fiz ciências sociais, mas nunca botei isso em currículo nenhum. Estamos fazendo levantamento para ver de onde saiu que fiz ciências sociais. Eu fiz economia”, afirmou Dilma.

O currículo de Dilma, de acordo com a revista “Piauí”, informava que ela é mestre em teoria econômica e doutoranda em economia monetária e financeira pela Unicamp. A universidade disse à revista que não há registro de matrícula no mestrado e que o doutorado foi abandonado, segundo o “Painel” da Folha.

Hoje, Dilma disse que cumpriu todos os créditos do doutorado, mas admitiu que não entregou a tese final do curso. “Eu não concluí o mestrado, pelo mesmo motivo do doutorado, porque virei secretária da Fazenda.”

Dilma disse que teve dificuldades para finalizar os cursos porque havia se mudada, na época, para Campinas (SP), e porque tinha um filho de 2 anos para cuidar.

Ela afirma não saber se foi “jubilada” (perdeu o curso), pois na época era secretária de Minas e Energia do Rio Grande do Sul. “Parece, não tenho certeza, que eu fui jubilada, porque ninguém te comunica quando você é jubilada. Parece que fui jubilada em 2004”, disse ela.

FONTE: http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u591823.shtml

Agora, vamos aos fatos.

O Currículo Lattes da Ministra já foi tirado do ar. Mas ele trazia o tal mestrado, e também o doutorado. Quando nós enviamos as informações apresentadas no Lattes, somos avisados, pelo sistema do CNPq, do seguinte: O solicitante declara formalmente que está de acordo com o Termo de Adesão e Compromisso da Plataforma Lattes. ( Declaração feita em observância aos artigos 297-299 do Código Penal Brasileiro). Bom, o tal Termo de Adesão e Compromisso da Plataforma Lattes está AQUI. Um dos itens do termo é este:

Como condição para utilizar o serviço, o usuário concorda em:

a) fornecer informações verdadeiras e exatas;

b) aceitar que o usuário é o único responsável por toda e qualquer informação cadastrada em seu Currículo, estando sujeito às conseqüências, administrativas e legais, decorrentes de declarações falsas ou inexatas que vierem a causar prejuízos ao CNPq, à Administração Pública em geral ou a terceiros;

Nitidamente, a Ministra NÃO forneceu informações verdadeiras e exatas……. E ela aceitou que é a ÚNICA responsável pelas informações……..

Além disso, o formulário do CNPq faz menção ao CÓDIGO PENAL, especificamente sobre a FALSIFICAÇÃO DE DOCUMENTO PÚBLICO.

Aliás, é preciso registrar que a PTralhada ADORA uma falsificação, né ?! Especialmente a intelectual……

Eu vinha acompanhando essa discussão no blog do Reinaldo Azevedo (AQUI, AQUI e AQUI), e concluo que ele está coberto de razão: os petistas e a formação intelectual formam uma dupla estranha: quem não tem diploma se orgulha de não tê-lo e quem se orgulha de tê-lo não o tem.

Alguns vão dizer que isso é mais uma “perseguição” da “mídia golpista”, e todo aquele blábláblá que a corja de boçais do PT sempre alega. Mas o fato é que uma Ministra de Estado, futura candidata à Presidência da República, falsificou um documento público.

Se o Brasil fosse sério, ela seria demitida, processada e sairia de fininho. Mas, como o Brasil NÃO é sério – e o PT não tem nenhum interesse real na seriedade – , tudo continua assim……

Um comentário sobre “Currículo e falsificação

Comentários

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s